Maria Beatriz Furtado
Eventos
Artigos
Eventos
UFC 223 e a luta continua!

UFC 223 e a luta continua!

ufc223.jpg

Quantas reviravoltas!

Os últimos dias foram bem agitados no mundo do mma.
Após termos ficado duas longas semanas sem UFC, o de número 223 estava prometendo bastante mas terminou com lutas sendo canceladas, lutadores machucados e até polícia envolvida. 

Pra quem ainda não está por dentro, vou fazer um resumo.
Pra começar, a luta principal seria Ferguson vs Nurmagomedov, mas foi cancelada - mais uma vez! - uma semana antes devido à uma lesão sofrida por Tony Ferguson. Prontamente, o campeão dos penas, Max Holloway, ocuparia o lugar e enfrentaria Khabib Nurmagomedov pelo título interino dos leves. Ou seja, ainda um lutão! Até aqui estava tudo tranquilo, certo? Acontece que Connor McGregor resolveu invadir o evento promocional do UFC 223 e atacar o ônibus que levava os lutadores, jogando objetos que quebraram os vidros, deixando feridos e, posteriormente, o levando à prisão. Khabib já é seu desafeto, e parece que teve uma discussão com seu pupilo, Lobov. Além disso, a luta vale o cinturão que era de Mcgregor.

Como consequência, houveram mais cancelamentos de lutas. Uma foi a de seu amigo, Artem Lobov, que foi barrado por estar junto no ataque, e lutaria com Alex Caceres. Já Michael Chiesa e Ray Borg sofreram ferimentos com os vidros das janelas e também estão fora do card, deixando livre seus oponentes Anthony Pettis e Brandon Moreno, respectivamente. 
Mas não pára por aí! Holloway não conseguiu bater o peso e a luta teve que ser cancelada. Tentaram inclusive colocar Pettis no lugar, mas Showtime também não alcançou o corte de peso. Então, acharam outro substituto, o americano Al Iaquinta (12-3-1), que vem de uma sequência de cinco vitórias. Ele estaria no evento lutando contra Paul Felder, na primeira luta do card principal.

Ufa. Afinal, card concluído (até segunda ordem) com apenas nove lutas. 

O que falar sobre o protagonista?
Khabib, com 29 anos, é invicto no MMA. Mas não com 10, nem 15, nem 20 lutas. São 25 no cartel sem nenhuma derrota ou empate, sendo 9 delas pelo UFC e incluindo Rafael dos Anjos e Edson Barboza na lista. Curiosidade: o pai do lutador o colocava, ainda criança, para treinar seu wrestling com filhote de urso de verdade na Rússia; vídeo ficou famoso.

Ainda teremos a esperada segunda luta entre Rose Namajunas e Joanna Jedrzejczyk. Namajunas tirou o cinturão de Joanna com muita calma e classe. Depois de muitas provocações de sua oponente ela se manteve humilde e mostrou sua arma apenas dentro do cage. É claro que Joanna vem ávida para recuperar o posto de campeã, portanto estaremos de olho nelas!

Bom, muita coisa hoje... o irlandês realmente causou tumulto no que seria um super evento e foi bem diminuído. Então, que as lutas que sobraram façam valer a pena! Bora lá!


CARD PRINCIPAL

Khabib Nurmagomedov x Al Iaquinta 
Rose Namajunas x Joanna Jedrzejczyk 
Renato Moicano x Calvin Kattar
Zabit Magomedsharipov x Kyle Bochniak 
Joe Lauzon x Chris Gruetzemacher

CARD PRELIMINAR

Karolina Kowalkiewicz x Felice Herrig
Bec Rawlings x Ashlee Evans-Smith
Evan Dunham x Olivier Aubin-Mercier
Devin Clark x Mike Rodriguez

Maria Beatriz Furtado
Paulista, bancária se aventurando no mundo da escrita, sobre um assunto que tanto gosta,MMA, com a maior espontaneidade possível.