Maria Beatriz Furtado
Eventos
Artigos
Eventos
GP BELLATOR

GP BELLATOR

gp%20bellator%20mat%20int.jpg

 

Esse fim de semana promete muito para nós, amantes de lutas! Além do UFC, temos o Bellator 192, com brasileiro no card e também com a primeira luta do Grand Prix dos pesados. Quem estréia esse torneio sensacional, que inclui grandes nomes das divisões meio-pesado e pesado, é Chael Sonnen. O lutador cheio de marra que adora uma provocação, que ganhou fama no Brasil por suas ofensas ao enfrentar a lenda Anderson Silva, lutará contra Rampage Jackson, ambos ex-UFC.

Sonnen (29-15-1), medalhista em campeonato de luta Greco-romana, havia anunciado sua aposentadoria do MMA em junho de 2014, mas em 2016 retomou assinando contrato com o Bellator , sendo derrotado em sua estréia por Tito Ortiz, que fez sua luta de aposentadoria. Depois disso enfrentou seu grande rival, Wanderlei Silva, onde dominou nos três rounds com seu jogo de wrestling.

Quinton Jackson (37-12-0), primeiro lutador a unificar o cinturão do UFC com o do Pride, assinou com o Bellator em 2013, retornou ao UFC em 2015 fazendo apenas uma luta para no ano seguinte voltar ao Bellator, onde vem de uma derrota para King Mo, que também está entre os lutadores participantes do GP.

O confronto já é previsto, afinal temos um wrestler de um lado e um striker de outro. Os próprios lutadores já declararam o que esperar de cada um. Enquanto Sonnen vai querer amarrar a luta, tentando derrubar a todo custo, Rampage vai tentar evitar as quedas e usar sua mão pesada indo atrás de um nocaute.  Resta saber quem levará a melhor e aguardar o desfecho do torneio, muito bem bolado, diga-se de passagem, que se estenderá durante o ano.  Nostálgicos ou não, acho que podemos dizer que faz até sentir saudades do extinto Pride.

Quem ganhar esta luta irá enfrentar o vencedor da luta entre Fedor Emelianenko e Frank Mir. Ainda temos mais quatro competidores, literalmente de peso : Roy Nelson, Matt Mitrione, Ryan Bader e Muhammed King Mo Lawal.gp%20bellator%20mat%20int_2.jpg

Vale lembrar que neste evento de número 192, ainda teremos lutas fora do GP, uma delas também muito aguardada nos meio-médios é com o brasileiro Douglas Lima defendendo pela segunda vez seu cinturão, dessa vez contra Rory Maconald. Ou seja, preparem a pipoca!

Maria Beatriz Furtado
Paulista, bancária se aventurando no mundo da escrita, sobre um assunto que tanto gosta,MMA, com a maior espontaneidade possível.